21 de dezembro de 2017

Visualize a nova NBR ISO/IEC 17025 para Laboratórios de Ensaio e Calibração

Publicada pela primeira vez em 1999 e atualizada em 2005, a ISO/IEC 17025, utilizada como referência para laboratórios de ensaio e calibração, foi revisada novamente; a nova edição de 2017 foi publicada pela ISO, em inglês e francês, no final de novembro.

Devido ao surgimento de novas tecnologias, as práticas laboratoriais e ferramentas profissionais sofreram mudanças nos últimos anos, levando à necessidade de uma nova revisão da norma após doze anos.

O processo de revisão, que teve início em 2015, reuniu profissionais e especialistas de mais de 50 países e foi aprovado pela quase totalidade dos membros da ISO (90%) e da IEC (100%).

Entre as principais novidades da nova edição, destacam-se:

  • Uma nova estrutura desenvolvida pelo Committee on Conformity Assessment/ Working Group 44 (CASCO/WG 44) e compartilhada por todas as normas voluntárias relacionadas ao processo de avaliação de conformidade;
  • O uso de novas tecnologias de TI, principalmente para a geração de resultados e relatórios eletrônicos;
  • Recomendações para o desenvolvimento de um sistema de gestão específico para os laboratórios, e não mais baseado apenas na qualidade;
  • Novos requisitos a partir da versão de 2015 da ISO 9001, envolvendo a abordagem de processos e a 'mentalidade de riscos';
  • Recomendações para a emissão de relatórios sobre os resultados da amostragem;
  • Vocabulário atualizado em linha com as atuais práticas laboratoriais.

Os laboratórios podem agora utilizar uma norma de referência atualizada, de acordo com as mudanças na indústria, envolvendo tanto as organizações quanto os recursos e processos que elas devem implementar.

Para os laboratórios, é uma excelente forma de se destacarem da concorrência. Para os consumidores, é um sinal de que o trabalho será conduzido da maneira mais detalhada possível, gerando resultados mais transparentes e confiáveis.

A versão oficial da norma revisada em português (NBR) foi publicada anteontem, dia 19/12
. Para adquiri-la, acesse o site da ABNT.


Segundo a Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro (Cgcre), a partir de maio de 2018, a Cgcre irá avaliar a implementação da nova ISO/IEC 17025 nos laboratórios acreditados e, se forem constatadas não conformidades, será dado um prazo de 180 dias para a sua resolução.

Veja a seguir, em primeira mão, o projeto final em português da nova NBR ISO/IEC 17025:




A ISO/IEC 17025:2017 será objeto de discussão em um dos módulos do nosso próximo Curso a Distância de Atualização Profissional em Gestão de Riscos, Controles Internos, Compliance, QSMS e Normas ISO.

19 de dezembro de 2017

A ISO 9001 versão 1987: um documento histórico

Neste post, apresento para vocês a 1ª norma brasileira sobre 'sistemas da qualidade'!

Trata-se da norma brasileira NB-9001 (Sistemas da qualidade - Modelo para garantia da qualidade em projetos/desenvolvimento, produção, instalação e assistência técnica), publicada em 1990 pela ABNT. 

É a tradução oficial para o português da primeira e 'legendária' norma internacional ISO 9001:1987.

Essa primeira norma tinha uma estrutura similar à norma britânica BS 5750, mas era também influenciada por outros padrões existentes e por normas do Departamento de Defesa dos Estados Unidos (como a MIL-Q-9858). Subdividia-se em três modelos de 'sistemas da qualidade', conforme a natureza das atividades da organização:

ISO 9001:1987 - Modelo de garantia da qualidade em projetos/desenvolvimento, produção, instalação e assistência técnica - aplicava-se a organizações cujas atividades eram voltadas à criação de novos produtos.

ISO 9002:1987 - Modelo de garantia da qualidade para produção, instalação e assistência técnica - compreendia essencialmente o mesmo escopo da anterior, mas sem abranger a criação de novos produtos.

ISO 9003:1987 - Modelo de garantia da qualidade para inspeção final e teste - abrangia apenas a inspeção final do produto e não se preocupava em como o produto era feito.

Eis aqui a 1ª norma brasileira sobre 'sistemas da qualidade' (sic); visualize-a melhor em tela cheia...

18 de dezembro de 2017

ISO/TS 9002: Diretrizes Oficiais para a Implementação da ISO 9001:2015

Lançada em novembro de 2016, em inglês, pela ISO (International Organization for  Standardization), a ISO/TS 9002 é uma especificação técnica que apresenta as diretrizes oficiais do Comitê Técnico ISO/TC 176 para a aplicação dos requisitos da ISO 9001:2015 nas organizações. 

Empresas de diversos portes e segmentos poderão utilizá-la como referência na implementação de seus sistemas de gestão da qualidade de uma maneira simples e que esteja relacionada a seus objetivos estratégicos.


Na prática, a ISO/TS 9002 auxiliará os gestores a implementarem ou adequarem o sistema de gestão da qualidade, levando em consideração as características próprias e particularidades de cada negócio.


Utilizando exemplos práticos, a norma mostra como aplicar os requisitos da ISO 9001:2015 em diferentes tipos de organizações, incluindo empresas de menor porte e do setor de serviços.


Empregando a mesma estrutura da ISO 9001:2015, a ISO/TS 9002 facilita a compreensão e aplicação dos requisitos da qualidade nos diversos níveis da organização e permite às pequenas e médias empresas o desenvolvimento de processos mais simples e eficientes, além de promover a melhoria no relacionamento com os clientes.


Com a migração da ISO 9001 para a versão 2015, muitas empresas que realizaram a implantação do sistema de gestão da qualidade ou migraram para a nova versão, não aproveitaram os benefícios da certificação, uma vez que não alcançaram os resultados esperados com a implementação da ISO 9001:2015. Parte disso se deve ao fato da nova norma ter gerado alguns questionamentos nas organizações e ampliado a demanda por um maior direcionamento em relação à interpretação dos novos requisitos.


A ISO/TS 9002 surge para solucionar esses problemas e oferece uma linguagem menos teórica, apresentando novas perspectivas para aprimorar o sistema de gestão da qualidade. Além disso, explora mais a fundo o conceito de mentalidade de risco, o papel da alta direção e a importância de se levar em conta o contexto da organização, mostrando alinhamento às demais normas ISO.


Espera-se que as pequenas e médias empresas sejam as principais beneficiadas com essa novidade, pois a aplicabilidade da norma permite a qualquer organização desenvolver um sistema de gestão da qualidade próprio, de acordo com os requisitos da ISO 9001:2015. Como consequência, as diretrizes oficiais da ISO/TS 9002 devem estimular a migração dos sistemas de gestão da qualidade para a versão 2015, além de encorajar as empresas que ainda não estão familiarizadas à ISO 9001 a implantarem a nova norma com maior clareza e confiabilidade.



O QSP, preenchendo uma lacuna no mercado, lançou este mês a ISO/TS 9002 em português, com o título "Manual ISO/TS 9002 - Diretrizes para a Aplicação da ISO 9001:2015".

O Manual vem acompanhado, sem nenhum custo adicional, por uma VIDEOAULA EXCLUSIVA intitulada “Como a ISO 31000 de Gestão de Riscos pode ajudar na implantação da ISO 9001:2015 (e outras normas de sistemas de gestão)". 


Uma prévia do Manual em português pode ser visualizada no Google Livros.


Acompanhe por aqui as últimas novidades sobre os produtos e serviços que o QSP oferece relacionados às normas ISO de Sistemas de Gestão (ISO 9001:2015, ISO 14001:2015 e ISO 45001:2018).

15 de dezembro de 2017

Boas-vindas

Olá Pessoal!

É com grande satisfação que o QSP anuncia a (re)criação desse espaço para falarmos sobre as últimas novidades referentes a QSMS (Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde Ocupacional), normas ISO e temas relacionados.

Aqui compartilharemos notícias, artigos, apresentações, videos e documentos exclusivos, com o intuito de informar e manter atualizados nossos leitores sobre esses temas.

Ao longo de seus mais de 26 anos de história, o QSP sempre buscou oferecer um conteúdo diferenciado a seu público, por meio da disseminação de conhecimentos que possam ser utilizados por qualquer empresa interessada em aprimorar a eficácia de seus sistemas de gestão.

Acreditamos que a qualidade, ética e transparência são características fundamentais para o desenvolvimento e sucesso dos negócios, de modo que os assuntos aqui debatidos têm sido cada vez mais importantes para a sobrevivência e crescimento das empresas.

Esperamos que vocês possam se beneficiar do conteúdo oferecido nesse espaço, e o utilizem como referência para a tomada de decisões em suas organizações.

Um abraço a todos, 

Fernando De Cicco



PS: para rever nossos posts de 2009 a 2016, entre por aqui.